quinta-feira, 27 de agosto de 2009

Sob O Céu - Capitulo 9 (Aquilo Que Não Se Pergunta)

Eles cantaram Matriz, a música que não sabiam no dia anterior. Depois tocaram Dezesseis da Legião e eu vi os meninos quase chorarem:
- E na saída da aula, foi estranho e bonito.Todo o mundo cantando baixinho: “Strawberry Fields Forever”...-
Cantaram outras musicas e tentaram terminar uma composição, sem muito sucesso. Eles cantavam Por Onde Andei do Nando Reis, quando vovó entrou na garagem, e se juntou a mim e Gi no sofá. Ao final da música, João disse.
- Doutora Salette Matarazzo. A que devemos a honra da sua presença?-
- Vocês estão muito bons!- ela sorria lindamente.- Vocês aceitam almoçar com a gente? Passem o dia aqui.- Os meninos se olharam e aceitaram, graças a Deus ela pediu pra empregada fazer o almoço.
- Cadê o Edgar?- vovó perguntou quando já estavámos sentados a mesa de madeira, esperando a empregada trazer a comida.
- Ele desceu mais cedo, ameaçou a Julie e falou que amor não exisitia, aí subiu.- João falou friamente.
- Não sei o que vai ser desse menino. Ele era tão alegre, o comportamento dele mudou muito ultimamente.- vovó parecia preocupada.
A empregada logo chegou com a lasanha, que estava otima.
- Doutora Salette, posso te fazer uma pergunta?- Cauã perguntou, eu já imaginava que seria sobre o amor.
- Claro, se eu puder responder.-
- A senhora já amou?- todos pararam diante da pergunta.
- Sim, Cauã, eu já amei.-
- Como é isso?-
- O amor é um sentimento esquisito, meu filho.- ela começou - Costuma vir do nada, talvez por alguém que você nunca imaginou ao seu lado, mas aí vem, e quando vem não tem como deter.-
- Cauã, você já sentiu amor?- eu perguntei.
- Não Julie, eu nunca senti.- ele respondeu, e baixou o olhar.
- É por isso que você quer saber o que ele é?- Vicente perguntou.
- Acho que quero saber se o que eu sinto é amor.-
- É?- Giovanna perguntou.
- Não, não é amor.-

Passamos a tarde fotografando os meninos. Nossa idéia era começar a popularizar eles, mesmo a banda nao tendo um nome, eles teriam páginas na internet: myspace, twitter, blog.
As fotos ficaram divertidas, na piscina, no jardim, na antiga casa da árvore e na garagem. Paramos de fotografar as cinco da tarde, quando decidimos ir andar na praia.


Escrito por: Marcella Leal (www.cabelocorderosa.blogspot.com)
Créditos da foto: http://www.urbal.piracicaba.sp.gov.br/meta4/levantamentodea%E7%F5es/habitos_alimentares.htm

6 comentários:

Taah ♥ disse...

Ameii :)

Larine disse...

Muito lindo, tô acompanhando :D

Ninaaa . disse...

ai, to amando a história, mt linda *.*
esperando pelo finaal =)

Henrique Miné disse...

é...

Issaê, hehe, geralmente nao tenho muito o que comentar, estou gostando da história, estou muito curioso pra ver como ela termina e...

AHH. Falta muito? Acabe logo com esse suspense menina! ç.ç

Ariel Augusto ( Japa ;P ) disse...

Ta interessante ..

Ariel Augusto ( Japa ;P ) disse...

Ta interessante ..